spot_img
spot_img

Essequibo: por que crise ressuscita temor do Brasil sobre base dos EUA na Amazônia

Em:

Compartilhe

Bandeira americana na farda de um militar

Crédito, Getty Images

Legenda da foto,

O Comando Sul das Forças Armadas norte-americanas anunciou que vai realizar exercícios militares em parceria com as Forças de Defesa da Guiana

  • Author, Leandro Prazeres
  • Role, Enviado da BBC News Brasil ao Rio de Janeiro

A preocupação ganhou novo impulso nesta quinta-feira (07/12) depois que o Comando Sul das Forças Armadas norte-americanas anunciou que irá realizar exercícios militares em parceria com as Forças de Defesa da Guiana.

No Brasil, o principal assessor do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para assuntos internacionais, o embaixador Celso Amorim, disse que seu principal temor com a escalada da crise entre Guiana e Venezuela é que ela sirva de pretexto para a presença de militares estrangeiros na Amazônia.

“O que eu temo mais, pra falar a verdade, é que você crie precedentes até para ter bases e tropas estrangeiras na região. Não estamos falando de uma região qualquer. Estamos falando da Amazônia, que é sempre objeto de muita preocupação de nossa parte. Essa é a nossa preocupação maior”, disse Celso Amorim em entrevista ao Canal Meio.

Fonte: Câmara dos Deputados

Assine Grátis

spot_img

Últimas

Leia Mais
Notícias