Dick denuncia
Terça, 05 Maio 2020 17:55

Tem sintomas de gripe? Saiba como se cuidar em casa e quando procurar ajuda médica

Infectologista orienta quanto ao melhor momento de procurar atendimento médico

Escrito por Redação com Assessoria
Tem sintomas de gripe? Saiba como se cuidar em casa e quando procurar ajuda médica Fotto: Ana PAula Tenório.Paciente deve ficar atento aos sintomas para procurar atendimento no momento certo

A pandemia de Covid-19 tem gerando uma série de apreensões, dentre elas, saber diferenciar os sintomas da Covid-19 e os de uma gripe ou resfriado. A similaridade entre eles torna ainda mais difícil e preocupante saber exatamente a hora correta de procurar atendimento médico.

 

Segundo a infectologista Luciana Pacheco, gerente médica do Hospital Escola Dr. Helvio Auto, é necessário observar um conjunto de sintomas e a evolução natural do quadro de cada paciente, uma vez que alguns sintomas apontarão para um resfriado comum, que é normal nesta época do ano, e outros devem ser avaliados cuidadosamente por equipe médica numa unidade de saúde.

 

Quais sintomas posso tratar em casa?

 

“Se o paciente apresentar sintomas leves como espirros, coriza e leve dor de cabeça provavelmente ele estará com um resfriado, que é diferente de um quadro gripal, ou também podem ser causados por alergia. Nestes casos, deve-se utilizar descongestionante nasal, antialérgico e analgésico para afastar a dúvida sobre os sintomas, além de se hidratar bastante e se alimentar adequadamente. Se estes sintomas não evoluírem, não há necessidade de procurar atendimento médico”, explicou Luciana Pacheco, que também é professora de infectologia.

 

É imprescindível só procurar atendimento médico quando os sintomas forem compatíveis com a Covid-19, justamente para evitar exposição desnecessária, diminuir os riscos de contágio, além de evitar aglomeração de pessoas nas unidades de saúde ou no Centro de Triagem do HGE (Ginásio do Sesi).

 

Já idosos e pessoas que apresentam doenças crônicas, como hipertensão, diabetes e asma devem ficar mais alertas e já procurarem uma unidade de saúde se a febre persistir por 3 dias com falta de ar e aperto no peito.

 

Para quem apresenta sintomas leves ou está em dúvida se são compatíveis com a Covid-19, não há necessidade de sair de casa, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) disponibiliza teleatendimento gratuito (consulta à distância) com médicos da rede pelo Alô Saúde (0800 082 0019), pelo WhatsApp do número (82) 3315-1532 e ainda por chat no site da Sesau (www.saude.al.gov.br).

 

Quando devo procurar assistência médica?

 

Ainda segundo a infectologista Luciana Pacheco, se a pessoa apresentar febre por três dias consecutivos, tosse,  dor de cabeça, dores no corpo (mialgia importante), fadiga, coriza, dor de garganta ou ainda algum desses sintomas acompanhados de desconforto respiratório (dificuldade para respirar) e/ou pressão no peito, deve procurar imediatamente atendimento médico.

 

“As pessoas têm que atentar para o período ideal para que a testagem possa ser realizada, uma vez que o teste rápido que é realizado na Central de Triagem, por exemplo, só vai dar resultados conclusivos a partir do sétimo ou oitavo dia do aparecimento dos sintomas. Se a pessoa procurar fora desse prazo, o resultado pode dar inconclusivo ou um falso negativo”, concluiu Pacheco.

 

Até procurar atendimento médico, a médica ainda orienta que os pacientes podem iniciar medicação para tratar a sintomatologia em casa: “É importante iniciar o tratamento com antitérmicos e analgésicos. Os mais indicados, se não houver alergia, são a novalgina e o paracetamol. Neste momento, deve-se evitar a tomada do ibuprofeno contra sintomas da Covid-19

Primeiro Momento © 2013 - 2018 Todos os direitos reservados.